> TUDO MUITO LINDO


Lidiane aninhasarmento1@hotmail.com


Links

:: UOL - O melhor conteúdo
:: BOL - E-mail grátis
:: muitoalemdoceuazul
:: blairponjinha
:: casaencantada
:: Barbara Juneck
:: Blog da Loba
:: asmontanhasdeangel
:: Vaninha
:: Francisco Malta
:: Pensamentos da Alma
:: Palavreando
:: Boa Menina
:: Cleoconte
:: Patty
:: Suely
:: Blog do Alguem
:: Magda Beatriz
:: Rose
:: Nane
:: Ponto de fuga
:: Vida
:: Complexogel
:: Magda
:: Liliane
:: Nuvens de palavras
:: Jornal blogacional
:: Bares da vida
:: Leilinha
:: A bolsa da mulher
:: Karen
:: Martuxa
:: Leandro

Votação

Dê uma nota para meu blog

..:: INDIQUE ESSE BLOG ::..

17/02/2008 a 23/02/2008

27/01/2008 a 02/02/2008

15/10/2006 a 21/10/2006

10/09/2006 a 16/09/2006

03/09/2006 a 09/09/2006

20/08/2006 a 26/08/2006

16/04/2006 a 22/04/2006

09/04/2006 a 15/04/2006

02/04/2006 a 08/04/2006

19/03/2006 a 25/03/2006

12/03/2006 a 18/03/2006

05/03/2006 a 11/03/2006

26/02/2006 a 04/03/2006

27/11/2005 a 03/12/2005

20/11/2005 a 26/11/2005

13/11/2005 a 19/11/2005

06/11/2005 a 12/11/2005

30/10/2005 a 05/11/2005

23/10/2005 a 29/10/2005

16/10/2005 a 22/10/2005

09/10/2005 a 15/10/2005

02/10/2005 a 08/10/2005

25/09/2005 a 01/10/2005

18/09/2005 a 24/09/2005

11/09/2005 a 17/09/2005

04/09/2005 a 10/09/2005

21/08/2005 a 27/08/2005

14/08/2005 a 20/08/2005

07/08/2005 a 13/08/2005

31/07/2005 a 06/08/2005

05/06/2005 a 11/06/2005

22/05/2005 a 28/05/2005

15/05/2005 a 21/05/2005

08/05/2005 a 14/05/2005

01/05/2005 a 07/05/2005

17/04/2005 a 23/04/2005

10/04/2005 a 16/04/2005

03/04/2005 a 09/04/2005

27/03/2005 a 02/04/2005

20/03/2005 a 26/03/2005

13/03/2005 a 19/03/2005

06/03/2005 a 12/03/2005

27/02/2005 a 05/03/2005

20/02/2005 a 26/02/2005

13/02/2005 a 19/02/2005

06/02/2005 a 12/02/2005

30/01/2005 a 05/02/2005

23/01/2005 a 29/01/2005

16/01/2005 a 22/01/2005

09/01/2005 a 15/01/2005

02/01/2005 a 08/01/2005

19/12/2004 a 25/12/2004

05/12/2004 a 11/12/2004

Visitas

Créditos

Para tudo há um tempo....

Para tudo há um tempo
O tempo é o grande mestre...
Para cada coisa há um momento debaixo do céu!
Tempo para nascer
E tempo para morrer.

Tempo para plantar
E tempo para colher.

Tempo para adoecer
E tempo para sarar.

Tempo para demolir
E tempo para construir.

Tempo para chorar
E tempo para sorrir.

Tempo para gemer
E tempo para cantar.

Tempo para atirar pedras
E tempo para juntá-las.

Tempo para dar abraços
E tempo para aparta-se.

Tempo para procurar
E tempo para achar.

Tempo para guardar
E tempo para jogar fora.

Tempo para rasgar
E tempo para remendar.

Tempo para calar
E tempo para falar.

Tempo para amar
E tempo para desprezar.

Tempo para tumultuar
E tempo para apaziguar.

(Programa Mais Você-08/04/2005)

:: Postado por LIDIANE às 21h43
::
:: Enviar esta mensagem

Chico Cesar


A primeira vista


Composição: Chico César

QUANDO NÃO TINHA NADA EU QUIS
QUANDO TUDO ERA AUSÊNCIA ESPEREI
QUANDO TIVE FRIO TREMI
QUANDO TIVE CORAGEM LIGUEI

QUANDO CHEGOU CARTA ABRI
QUANDO OUVI PRINCE
DANCEI
QUANDO O OLHO BRILHOU ENTENDI
QUANDO CRIEI ASAS VOEI

QUANDO ME CHAMOU EU VIM
QUANDO DEI POR MIM TAVA AQUI
QUANDO LHE ACHEI ME PERDI
QUANDO VI VOCÊ ME APAIXONEI

QUANDO NÃO TINHA NADA EU QUIS
QUANDO TUDO ERA AUSÊNCIA ESPEREI
QUANDO TIVE FRIO TREMI
QUANDO TIVE CORAGEM LIGUEI

QUANDO CHEGOU CARTA ABRI
QUANDO OUVI SALIF KEITA
DANCEI
QUANDO O OLHO BRILHOU ENTENDI
QUANDO CRIEI ASAS VOEI

QUANDO ME CHAMOU EU VIM
QUANDO DEI POR MIM TAVA AQUI
QUANDO LHE ACHEI ME PERDI
QUANDO VI VOCÊ ME APAIXONEI

:: Postado por LIDIANE às 09h23
::
:: Enviar esta mensagem

Lua Adversa
Cecília Meirelles



Tenho fases, como a lua
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha.


Fases que vão e que vêm,
no secreto calendário
que um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.


E roda a melancolia
seu interminável fuso!
Não me encontro com ninguém
(tenho fases, como a lua...)
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu...

:: Postado por LIDIANE às 08h49
::
:: Enviar esta mensagem

Amor

"O amor verdadeiro é difícil e exigente." (sexta-feira, 11/06/2004)

"O homem não pode viver sem amor. Sem amor, torna-se um ser incompreensível para si mesmo." (encíclica O Redentor do Homem - Redemptor Hominis,1979)

"O verdadeiro amor é exigente. Falharia em minha missão caso não lhes dissesse isso com clareza --nosso Jesus ele próprio-- quem disse: ‘Vós sois meus amigos se fizerdes o que vos mando’ (Jo 15,14). O amor exige o esforço e um compromisso pessoal com a vontade de Deus. Isso quer dizer disciplina e sacrifício, mas também quer dizer alegria e satisfação humana." (discurso em Boston, 1º de outubro de 1979)

"Embora tudo pareça confirmar que o amor é uma coisa mundana nascida nas almas e corpos como fruto de sensibilidade emocional e atração sensual, atingindo as profundezas ocultas da constituição sexual do organismo, além disso e acima de tudo isso, o amor é uma dádiva." (Amor Responsável e Frutífero,1979)

Papa João Paulo II

:: Postado por LIDIANE às 23h22
::
:: Enviar esta mensagem

 

02/04/2005

Fiéis na praça de São Pedro reagem com silêncio, aplausos e choro

RICARDO FELTRIN
Enviado especial da Folha Online a Roma

Primeiro, o silêncio. Depois, aplausos, abraços e choro compulsivo. Foi assim, de forma comovida e em meio às badaladas dos sinos da basílica, que a multidão de 40 mil fiéis que lotavam a praça de São Pedro reagiu à notícia da morte de João Paulo 2º.

O papa morreu às 21h37 (16h37 no Brasil), mas a notícia só chegou à praça por volta das 21h55.

Alguns fiéis acenderam velas. Durante os minutos de silêncio, o único som que ecoava era o da fonte de água. Ao fundo, um grupo vocal entoava uma balada gospel.

Homens --entre eles muitos padres--, mulheres e crianças cobriam os olhos com as mãos. O choro era tamanho que as mãos ficavam molhadas. Outros, ficavam sentados nas calçadas que circundam a praça.

O telão que mostrou durante o dia as pessoas cantando, orando e sorrindo, agora trazia a imagem de casais cabisbaixos, crianças em prantos amparadas pelos pais, que também choravam.

Uma hora após o anúncio da morte de João Paulo 2, o 262º papa da linhagem romana desde Sao Pedro, o sino dobrou por Karol Josef Wojtyla.


:: Postado por LIDIANE às 23h10
::
:: Enviar esta mensagem