> TUDO MUITO LINDO


Lidiane aninhasarmento1@hotmail.com


Links

:: UOL - O melhor conteúdo
:: BOL - E-mail grátis
:: muitoalemdoceuazul
:: blairponjinha
:: casaencantada
:: Barbara Juneck
:: Blog da Loba
:: asmontanhasdeangel
:: Vaninha
:: Francisco Malta
:: Pensamentos da Alma
:: Palavreando
:: Boa Menina
:: Cleoconte
:: Patty
:: Suely
:: Blog do Alguem
:: Magda Beatriz
:: Rose
:: Nane
:: Ponto de fuga
:: Vida
:: Complexogel
:: Magda
:: Liliane
:: Nuvens de palavras
:: Jornal blogacional
:: Bares da vida
:: Leilinha
:: A bolsa da mulher
:: Karen
:: Martuxa
:: Leandro

Votação

Dê uma nota para meu blog

..:: INDIQUE ESSE BLOG ::..

17/02/2008 a 23/02/2008

27/01/2008 a 02/02/2008

15/10/2006 a 21/10/2006

10/09/2006 a 16/09/2006

03/09/2006 a 09/09/2006

20/08/2006 a 26/08/2006

16/04/2006 a 22/04/2006

09/04/2006 a 15/04/2006

02/04/2006 a 08/04/2006

19/03/2006 a 25/03/2006

12/03/2006 a 18/03/2006

05/03/2006 a 11/03/2006

26/02/2006 a 04/03/2006

27/11/2005 a 03/12/2005

20/11/2005 a 26/11/2005

13/11/2005 a 19/11/2005

06/11/2005 a 12/11/2005

30/10/2005 a 05/11/2005

23/10/2005 a 29/10/2005

16/10/2005 a 22/10/2005

09/10/2005 a 15/10/2005

02/10/2005 a 08/10/2005

25/09/2005 a 01/10/2005

18/09/2005 a 24/09/2005

11/09/2005 a 17/09/2005

04/09/2005 a 10/09/2005

21/08/2005 a 27/08/2005

14/08/2005 a 20/08/2005

07/08/2005 a 13/08/2005

31/07/2005 a 06/08/2005

05/06/2005 a 11/06/2005

22/05/2005 a 28/05/2005

15/05/2005 a 21/05/2005

08/05/2005 a 14/05/2005

01/05/2005 a 07/05/2005

17/04/2005 a 23/04/2005

10/04/2005 a 16/04/2005

03/04/2005 a 09/04/2005

27/03/2005 a 02/04/2005

20/03/2005 a 26/03/2005

13/03/2005 a 19/03/2005

06/03/2005 a 12/03/2005

27/02/2005 a 05/03/2005

20/02/2005 a 26/02/2005

13/02/2005 a 19/02/2005

06/02/2005 a 12/02/2005

30/01/2005 a 05/02/2005

23/01/2005 a 29/01/2005

16/01/2005 a 22/01/2005

09/01/2005 a 15/01/2005

02/01/2005 a 08/01/2005

19/12/2004 a 25/12/2004

05/12/2004 a 11/12/2004

Visitas

Créditos

"Estou com saudade de mim. Ando pouco recolhida, atendendo demais o telefone. Escrevo depressa, vivo depressa. Onde está eu? Preciso fazer um retiro espiritual e encontrar-me enfim. Mas que medo de mim mesma"

[Clarice Lispector]

 

:: Postado por LIDIANE às 14h58
::
:: Enviar esta mensagem

Wanessa Camargo


Metade de Mim    


Composição: Jason Deere / Natalee Falk/ Versão: Carlos Colla

Às vezes ainda sinto vontade de ter você
Sonho contigo até sem querer
É que o meu coração não quer entender
Que é melhor assim que não tem nada a ver

REFRÃO
Metade de mim, te ama e te adora
Outra metade de mim, precisa ir embora
Estou com medo de ser feliz outra vez
Por que dói, dói, ficar sem você aqui

Ai eu me afasto e tento me distrair
Pensar em outra coisa
Pra não me trair
Sair com você pela última vez
Como esquecer tudo que a gente fez

REFRÃO

Bye, bye te levo no meu coração
Ainda te amo mas bye, bye
Você sabe tão bem quanto eu
Que dói dizer não...

Metade de mim, te ama e te adora
Outra metade de mim, precisa ir embora
Estou com medo de ser feliz... outra vez
Por que dói, dói, ficar sem você
Por que dói, dói, ficar sem você
Por que dói, dói, ficar sem você aqui...    

letras acima

:: Postado por LIDIANE às 14h21
::
:: Enviar esta mensagem

Marisa Monte


Não Vá Embora      


Composição: Marisa Monte

E no meio de tanta gente eu encontrei você
Entre tanta gente chata sem nenhuma graça, você veio
E eu que pensava que não ia me apaixonar
Nunca mais na vida

Eu podia ficar feio só perdido
Mas com você eu fico muito mais bonito
Mais esperto
E podia estar tudo agora dando errado pra mim
Mas com você dá certo

Refrão:
Por isso não vá embora
Por isso não me deixe nunca nunca maaaais
Por isso não vá, não vá embora
Por isso não me deixe nunca nunca mais

Eu podia estar sofrendo caído por aí
Mas com você eu fico muito mais feliz
Mais desperto
Eu podia estar agora sem você
Mas eu não queeeero, não quero

Refrão:
Por isso não vá embora
Por isso não me deixe nunca nunca maaaais
Por isso não vá, não vá embora, por isso não me deixe nunca nunca mais.

 

:: Postado por LIDIANE às 14h20
::
:: Enviar esta mensagem

 

 PROCURA-SE UM AMIGO

  

Não precisa ser homem, basta ser humano, basta ter sentimento, basta ter coração. Precisa saber falar e calar, sobretudo saber ouvir. Tem que gostar de poesia, da madrugada, de pássaros, de sol, da lua, do canto dos ventos e das canções da brisa. Deve ter amor, um grande amor por alguém, ou então sentir falta de não ter esse amor. Deve amar o próximo e respeitar a dor que os passantes levam consigo. Deve guardar segredos sem se sacrificar. Não é preciso que seja de primeira mão, nem é imprescindível que seja de segunda mão. Pode já ter sido enganado, pois, todos os amigos são enganados. Não é preciso que seja puro, nem que seja de todo impuro, mas não deve ser vulgar. Deve ter um ideal e medo de perde-lo e, no caso de assim não ser, deve sentir um grande vácuo que isso deixa. Tem que ter ressonâncias humanas, seu principal objetivo deve ser o de amigo. Deve sentir pena das pessoas tristes e compreender o imenso vazio dos solitários.

 

Deve gostar de crianças e lastimar as que não puderam nascer. Procura-se um amigo para gostar dos mesmos gostos, que se comova quando chamado de amigo. Que saiba conversar de coisas simples, de orvalhos, de grandes chuvas e das recordações da infância. Precisa-se de um amigo para não enlouquecer, para contar o que se viu de belo e triste durante o dia, dos anseios e das realizações, dos sonhos e da realidade. Deve gostar de ruas desertas, de poços de água e de caminhos molhados, de beira de estrada, de mato depois da chuva, de se deitar no capim.

 

Precisa-se de um amigo que diga que vale a pena viver, não porque a vida é bela, mas porque já se tem um amigo.

 

Precisa-se de amigo para parar de chorar. Para não se viver debruçado no passado em busca de memórias perdidas. Que bata nos ombros sorrindo e chorando, mas que me chame de amigo, para ter a consciência de que ainda se vive.

:: Postado por LIDIANE às 14h07
::
:: Enviar esta mensagem

FELICIDADE REALISTA

A principio bastaria ter saúde, dinheiro e amor, o q já é um pacote louvável, mas nossos desejos são ainda mais complexos. Não basta que a gente esteja sem febre, queremos além de saude, ser magérrimos, sarados, irresistiveis.

Dinheiro? Não basta termos pra pagar o aluguel, a comida e o cinema: queremos a piscina olímpica e uma temporada num spa cinco estrelas.

E qto ao amor? Ah ... o amor ... não basta alguem com quem conversar, dividir uma pizza e fazer sexo de vez em qdo. Isso é pensar pequeno: queremos AMOR, todinho maiúsculo.
Queremos estar visceralmente apaixonados, queremos ser surpreendidos por declarações e presentes inesperados, queremos jantar à luz de velas de segunda a domingo, queremos sexo selvagem e diário, queremos ser felizes assim e não de outro jeito.É o que dá ver tanta televisão.

Simplesmente esquecemos de tentar ser felizes de uma forma mais realista. Ter um parceiro constante pode ou não, ser sinônimo de felicidade. Você pode ser feliz solteiro, feliz com uns romances ocasionais, feliz com um parceiro, feliz sem nenhum. Não existe amor minúsculo, principalmente qdo se trata de amor proprio.

Dinheiro é uma benção. Quem tem, precisa aprovitá-lo, gastá-lo, usufruí-lo. Não perder tempo juntando, juntando, juntando. Apenas o suficiente para se sentir seguro, mas não aprisionado. E se a gente tem pouco, é com este pouco que vai tentar segurar a onda, buscando coisas que saiam de graça, com um pouco de humor, um pouco de fé e pouco de criatividade.

Ser feliz de uma forma realista é fazer o possível e aceitar o improvável. Fazer exercícios sem almejar passarelas, trabalhar sem almejar o estrelato, amar sem almejar o ETERNO.

Olhe para o relógio: hora de acordar! É importante pensar-se ao extremo, buscar lá dentro o que nos mobiliza, instiga e conduz, mas sem exigir-se desumanamente. A vida não é um jogo onde só quem testa seus limites é que leva o prêmio.

Não sejamos vítimas ingênuas desta tal competitividade. Se sua meta está alta demais, reduza-a. Se você não está de acordo com as regras, demita-se. invente seu próprio jogo. Faça o que for necessário para ser feliz.
Mas não se esqueça que a felicidade é um sentimento simples, você pode encontrá-la e deixá-la ir embora por não perceber sua simplicidade. Ela transmite paz e não sentimentos fortes, que nos atormenta e provoca inquietude no nosso coração. Isso pode ser alegria, paixão, entusiasmo, mas não felicidade.
                                                                                        Mario Quintana

Obrigada Marcos por me passar tanta coisa legal...

:: Postado por LIDIANE às 14h04
::
:: Enviar esta mensagem

:: Postado por LIDIANE às 14h02
::
:: Enviar esta mensagem

Ninguém pode construir em teu lugar as pontes que precisarás passar para atravessar o rio da vida. Ninguém, exceto tu, só tu. Existem, por certo, atalhos sem números e pontes, e semi-deuses que se oferecerão para levar-te além do rio, mas isto te custaria a tua própria pessoa. Tu te hipotecarias e te perderias. Existe no mundo um único caminho por onde só tu podes passar. Onde leva? Não perguntes, segue-o.”

 

Nietzche.

:: Postado por LIDIANE às 14h02
::
:: Enviar esta mensagem

Adriana Calcanhotto


Fico Assim Sem Você   


Composição: Cacá Moraes / Abdullah

Avião sem asa
Fogueira sem brasa
Sou eu assim sem você
Futebol sem bola
Piu-piu sem Frajola
Sou eu assim sem você

Porque que é que tem que ser assim?
Se o meu desejo não tem fim
Eu te quero todo instante
Nem mil auto-falantes
Vão poder falar por mim

Amor sem beijinho
Buchecha sem Claudinho
Sou eu assim sem você
Circo sem palhaço
Namoro sem amasso
Sou eu assim sem você

Tô louca pra te ver chegar
Tô louca pra te ter nas mãos
Deitar no teu abraço
Retomar o pedaço
Que falta no meu coração

Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
Eu conto as horas pra poder te ver
Mas o relógio tá de mal comigo
Por quê? Por quê?

Neném sem chupeta
Romeu sem Julieta
Sou eu assim sem você
Carro sem estrada
Queijo sem goiabada
Sou eu assim sem você

Porque que é que tem que ser assim?
Se o meu desejo não tem fim
Eu te quero a todo instante
Nem mil auto-falantes
Vão poder falar por mim

Eu não existo longe de você
E a solidão é o meu pior castigo
Eu conto as horas pra poder te ver
Mas o relógio tá de mal comigo (2x)

:: Postado por LIDIANE às 13h59
::
:: Enviar esta mensagem

A Pena e o Camelo

Às vezes nos irritamos com reações exageradas de nosso próximo. Fazemos um pequeno comentário, uma brincadeira- e eis que a pessoa chora ou se revolta. Uma lenda no deserto conta a história de um homem que ia mudar-se de oasis e começou a carregar seu camelo. colocou os tapetes, os utensílios de cozinha, baús de roupas- e o camelo aguentava tudo. Quando ia saindo, lembrou-se de uma linda pena azul que seu pai lhe tinha presentiado. Resolveu pegá-la e a colocou em cima do camelo. Neste momento, o animal arriou com o peso e morreu. Meu camelo não agüentou o peso de uma pena, deve ter pensado o homem. Às vezes pensamos o mesmo do nosso próximo- sem entender que nossa brincadeira pode ter sido a gota que transbordou a taça do sofrimento.

Paulo Coelho!

:: Postado por LIDIANE às 13h57
::
:: Enviar esta mensagem


Há momentos onde o cansaço excede a esperança de estar em paz.
Há momentos onde a tristeza alcança a doce alegria que nos acompanha.
Há momentos onde a desistência fala mais alto, restando-nos o vazio, a espera.
Há momentos onde somos obrigados a dar limites, quando na realidade gostaríamos de seguir livres pelos caminhos que escolhemos.
Há momentos onde falar mais alto parece ser mais importante que calarmos na doçura do silêncio e da compreensão.
A paz não é vazia, anterior a ela existe um longo aprendizado, por isto a necessidade de tantos momentos vividos...
Dá alívio saber que nada é para sempre.
Dá alegria saber que tudo
é passível de mudanças.
Dá tranqüilidade saber que podemos aprender e reaprender, lapidando dia a dia a pedra bruta que oculta o diamante que
trazemos dentro de nós.
Renascer a cada momento, eis a fonte da onde brota o conhecimento tão necessário para que possamos seguir cada vez mais
confiantes e serenos.        

:: Postado por LIDIANE às 21h39
::
:: Enviar esta mensagem


Bruno e Marrone


Meu Disfarce     


Composição: Chico Roque/Carlos Colla

Você vê esse meu jeito de pessoa liberada
Mas não sabe que por dentro não é isso, não sou nada
Tenho ares de serpente mas em casos de amor
Sou pequeno sou carente sou tão frágil sonhador
Eu me pinto e me disfarço companheiro do perigo
Eu me solto em sua festa mas sozinho eu não consigo
Digo coisas que eu não faço, faço coisas que não digo
Quero ser o seu amado, não somente seu amigo
Cada vez que eu sinto um beijo seu em minha face
Eu luto pra manter o meu disfarce e não deixar tão claro que te quero
Cada vez se torna mais difícil o meu teatro, não dá mais pra fugir do seu contato
Estou apaixonado por você

:: Postado por LIDIANE às 21h38
::
:: Enviar esta mensagem

Adryana e a Rapaziada


Só Faltava Você     


Composição: Desconhecido

Só faltava Você
..Pra completar a minha vida, pra mudar meu mundo
(Me fez renascer).....tocando lá no fundo
(Foi fazendo a festa).....no meu coração
(Enfim você chegou).....só faltava você
.......Pra despertar os meus desejos, acender meus sonhos
(Como é bom sentir).....teus olhos nos meus olhos
(Há muito eu não sentia).....tanta emoção
Só faltava você.....(enfim você chegou)
Veio repentinamente.....o amor é mesmo assim
Simplesmente acontece.....pega a gente, enlouquece
Quando vi, já estava em mim
No começo eu tive medo.....mas depois eu relaxei
Vi que era de verdade.....me entreguei completamente
Nos seus braços me encontrei

Tá na minha pele, tá no coração.....tá na luz do meu olhar
Esse amor intenso, esse amor bonito, veio pra ficar
Tá no meu sorriso, em cada emoção.....em cada passo que eu andar
Esse amor ardente, veio loucamente.....pra me completar

Só faltava você
.......Trazendo o sol pra iluminar, de vez o meu caminho
(O meu coração) que andava tão sozinho.......(hoje está feliz)
Como faz bem o amor
Só faltava você.....(Enfim você chegou...

:: Postado por LIDIANE às 21h37
::
:: Enviar esta mensagem

Adryana e a Rapaziada


Fim de Noite               


Composição: Desconhecido

Você nunca vai me ver sofrer
Não consegue me fazer chorar
Não vai
Isso eu disse pra te convencer
E eu nem ligara em te perder
Eu queria tudo terminar
Na primeira noite eu nem liguei
Deu ate vontade de dançar demais
Eu conheci pessoas que eu gostei
Só no fim da festa eu me lembrei
Que você não vinha me buscar
No fim de noite que eu não quis você
Que eu tinha todo o tempo pra viver
Que o meu coração foi despertar
A solidão
Eu descobri que nada sei de mim
Que digo não
Mas eu te amo, sim
E sem você não sei nem me cuidar
No fim da noite
Eu queria te ver
E nos teus braços
Dormir e sonhar
Meu pensamento buscando você
Tudo pra me arrepender de te deixar
No fim da noite
Não sei o que fazer
Sou de momento, sem nada depois
E um sentimento me faz entender
Que o amor da noite, é o fruto de nós dois



:: Postado por LIDIANE às 21h36
::
:: Enviar esta mensagem

                                                                

olá amigos...

Tenho certeza d q vcs vão adorar meu blog, pois ele será muito lindo, com coisas q recebo de meus amigos e coisas q tenho guardadas a bastante tempo e que faço questão de compartilhar... portanto quando estiverem "deprê” venham para  “Tudo Muito Lindo" e quando quiserem algo bonitinho para mandar para "aquela pessoa"... venham pra cá tbm...rs
                                                                                                                                                   

:: Postado por LIDIANE às 21h24
::
:: Enviar esta mensagem